Sem categoria

Empréstimo pessoal: o que é e quando fazer

O empréstimo pessoal é uma das modalidades mais conhecidas para quem precisa de dinheiro rápido e fácil. Porém, antes de solicitar, é preciso conhecer melhor esse modelo de empréstimo para garantir que você não vai enfrentar taxas abusivas.

Além disso, é essencial que você consiga organizar a sua vida financeira para garantir o pagamento das parcelas. Isso porque quem já está endividado costuma ter dificuldades para pagar os empréstimos, o que pode piorar ainda a sua condição.

Então, para evitar que isso aconteça com você, vamos aprender tudo o que você precisa saber sobre o empréstimo pessoal e as melhores dicas para contratar. Assim, você coloca suas finanças no eixo!

Vamos começar?

O que é o empréstimo pessoal?

O empréstimo pessoal é uma modalidade de solicitação de crédito na qual você solicita o valor desejado diretamente para os bancos ou agências financeiras. Essas instituições, por sua vez, farão uma análise completa do seu perfil de consumo.

Essa análise geralmente envolve os comprovantes de renda, comprovante de residência, situação junto aos órgãos de produção de crédito e o seu perfil de consumo. Ou seja, se você costuma pagar contas e cartões em dia.

Caso o limite seja aprovado, você assina o contrato e o dinheiro entra na sua conta. É uma modalidade bastante fácil de conseguir a quantia que você precisa.

Geralmente, o empréstimo pessoal é solicitado para cobrir outras dívidas ou dar a entrada de bens, como carros e imóveis. Como o banco não solicita a motivação do empréstimo, você pode gerenciar o crédito obtido da forma que julgar melhor.

Dicas para solicitar o empréstimo pessoal

Compare as taxas

Diferentes bancos e instituições possuem taxas diferentes para solicitação do empréstimo pessoal. Portanto, você pode fazer uma pesquisa de mercado antes de contratar.

As taxas costumam ser altas, mas não são abusivas. Logo, essa pesquisa pode ajudar você a conseguir a menor margem. Quanto mais baixos forem os juros, mais fácil será realizar o pagamento das parcelas.

Escolha o melhor período de pagamento

A maioria dos bancos oferece a opção de cobrir o pagamento do empréstimo em 6, 12 e até mesmo 24 meses dependendo do valor. Quanto mais você demora para pagar, menores são os valores de cada parcela. Porém, nesse caso, os juros são mais altos.

Por esse motivo, é preciso avaliar exatamente em quanto tempo você consegue pagar o valor total. Se você conseguir pagar em menos tempo, melhor! Assim, você garante aas menores taxas.

Planeje sua vida financeira

Antes de solicitar o empréstimo, também é bastante importante que você analise a fundo sua situação financeira. Afinal, perder as parcelas pode fazer com que seu nome fique com restrições nos órgãos de proteção ao crédito.

Uma boa dica para isso é calcular a porcentagem do seu salário que será destinada ao pagamento do empréstimo pessoal. Inclua o valor em uma tabela com os demais gastos essenciais e verifique se é viável fazer a contratação.

É importante ter em mente que os empréstimos realizados de forma irresponsável podem virar problemas ainda maiores na sua vida. Logo, ao contratar, é preciso fazer a gestão consciente do valor.

Dessa forma, você evita ficar endividado. O empréstimo pessoal é uma ótima solução para diversos problemas e pode ajudar você a conquistar todos os seus sonhos caso seja algo feito de forma planejada.

Portanto, siga as nossas dicas e aproveite todas as vantagens dessa modalidade de empréstimo!

Você ainda tem alguma dúvida sobre o que é e quando contratar o empréstimo pessoal? Então entre em contato para que possamos ajudá-lo! Aproveite também para compartilhar o artigo nas redes sociais.

 

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *